Voltar

Web design a par com o marketing de conteúdo faz diferença no seu negócio

Hoje em dia é praticamente impossível ter um negócio e não querer que o mesmo apareça na internet. 

Qualquer pessoa que pense “Vou criar o meu próprio negócio” pensa automaticamente: vou ter um site, vou criar o perfil em todas as redes sociais que me lembrar, vou conseguir fazer tudo e mais alguma coisa porque o meu produto ou serviço é o melhor do mundo. 

Pois bem meu caro, se você já quer começar seu negócio pensando dessa forma, tenho já que lhe dizer que provavelmente seu negócio não vai nem sair do papel. 

Nos dias que correm, antes mesmo de começar a pensar em implementar todas as estratégias de web design ou marketing digital, você vai ter de começar por fazer um plano de negócios. 

Esse plano irá ser seu guia para que você descubra se seu projeto tem pernas para andar. Se tiver, muito bem. Se não tiver, coloque de lado e pondere outra solução que não faça com que você perca dinheiro. 

Existem inúmeras opções de negócios que para quem está a começar podem ser uma excelente solução com um investimento inicial baixo. 

Por exemplo se quer começar um negócio de dropshipping, o melhor site para você visitar é o Oberlo, pois lá encontra todas as informações sobre este tipo de venda online. 

De seguida explicamos-lhe porque é que se usar um bom design web e se investir em marketing de conteúdo, o sucesso estará praticamente garantido! 


O que é o web design? 

Esta é uma pergunta que ainda assola milhares de usuários. A questão principal do web design é a harmonia entre beleza e funcionalidade. Afinal, nem tudo que funciona agrada o olhar, e nem tudo que é bonito é útil.

Assim sendo, e de modo bem resumido, é possível dizer que o web design é a tendência dos dias que corem, e que tem como principal intuito ajudar a que qualquer peça utilizada seja útil e agradável à vida – em simultâneo. 

Quem pretende alavancar um negócio, precisa definitivamente de aliar esta e muitas outras estratégias de marketing digital, pois só assim as mesmas vão surtir efeitos. 


O que é o marketing de conteúdos?

Pois bem, de forma muito simples e resumida, trata-se de uma forma de comunicação que tem como principal intuito envolver o leitor numa jornada de compra.

É importante frisar que conteúdo não são apenas textos. Na verdade, uma imagem, um vídeo, um case study, um e-book… tudo isso é conteúdo. 

O problema é que a maior parte das pessoas não consegue perceber em que fase do ciclo de conversão é que cada conteúdo deve ser utilizado. 

À parte disso, é também importante frisar que um dos principais motivos pelos quais os conteúdos produzidos não convertem, passa por não serem adequados à persona. E o que é que isso quer dizer? 

Pois bem, de forma resumida, a persona é o seu cliente ideal para determinado produto ou serviço. Nem todos os produtos têm a mesma persona, por isso, nem todos os conteúdos devem ser produzidos da mesma forma. 

Se quer realmente ter uma estratégia de marketing de conteúdo que converta o leitor numa lead, e consequentemente o faça avançar no funil de vendas até que ele compre, vai ter de adaptar o seu conteúdo.


Porque deve usar o marketing de conteúdo a par com o web design?

Pois bem, tal como lhe dissemos anteriormente o web design não retrata apenas a criação de sites. Muito pelo contrário. 

Embora esta seja uma das tarefas mais comuns, a verdade é que existem muitas outras tarefas que fazem parte da vida de um web designer. 

Por exemplo a criação do design de um e-book, a criação de todas as imagens que são publicadas nas redes sociais, a criação de imagens específicas para campanhas publicitárias ou mesmo para flyers. 

Acredite que se usar um bom conteúdo visual, a par com um excelente conteúdo escrito, vai ser muito mais simples alcançar os seus objetivos. 

É, contudo, importante que tenha em mente que criar bom conteúdo implica: ter algo útil, interessante, com qualidade e que seja melhor que a concorrência. 

Vou dar-lhe um exemplo prático. Imagine que quer produzir por exemplo um artigo para o seu blog sobre dropshipping por exemplo. Agora imagine que eu vou produzir exatamente o mesmo conteúdo e usar a mesma palavra chave. 

Tenha em conta que o seu artigo terá 500 palavras, não vai usar imagens e não está otimizado para as melhores práticas de SEO. 

E o meu tem 1500 palavras, usa imagens exclusivas criadas propositadamente para o artigo, está otimizado para motores de pesquisa e cumpre todas as boas práticas de SEO. 

Quem é que acha que vai ter melhores resultados? 

Como vê, aliar o web design ao marketing de conteúdos e a melhor forma de tornar o seu negócio em algo ainda mais rentável. 


Autor: Marina Ferreira
COPYRIGHT 2018 - ALDABRA SISTEMAS WEB E DESIGN GRÁFICO LTDA